DestaqueEsportes

Altos goleia o Fluminense e é tricampeão do Campeonato Piauiense

O Altos é tricampeão Piauiense. O placar de 3 x 0 construído na Arena Ytacoatiara, na cidade de Piripiri, neste domingo (22) em jogo válido pelos últimos 90 minutos da grande final entre Altos x Fluminense.

O placar foi construído com gols de Betinho e Manoel (duas vezes). Na soma final fica nítida a superioridade do Altos que venceu o primeiro jogo por 2 a 1 e que somado os 3 x 0 da tarde de hoje (22), na cidade de Piripiri terminou a decisão dos 180 minutos valendo o título com placar de 5 a 1.

Com o resultado, o Altos levanta o Troféu Jesus Elias Tajra e chega ao terceiro título em sua curta história: 2017, 2018 e 2021. Além do título, o time também sagrou Manoel artilheiro do Estadual com 13 gols marcados. Melhor marca individual do atacante em campeonatos estaduais.

Na temporada, Altos x Fluminense aconteceu quatro vezes e o Alviverde venceu os quatro confrontos e depois de três anos voltou a levantar a taça. O Jacaré agora começa a pensar na Série C do Brasileiro que tem inicio no domingo (30) diante o Volta Redonda-RJ, no estádio Lindolfo Monteiro. Será a primeira vez do Alviverde na 3ª divisão.

O jogo 

Tarde de decisão em Piripiri. Altos x Fluminense valendo o título de Campeão Piauiense 2021. O Altos entrou em campo em vantagem, pois venceu o primeiro jogo por 2 a 1 e logo  aos quatro minutos da primeira etapa na Arena Ytacoatiara o placar foi ampliado. Assim como nos primeiros minutos do primeiro jogo, com Betinho, em chute rasteiro que passa por todo mundo, mostrou mais uma fez a tranquilidade e frieza do Camisa 19, após excelente jogada construída por Klenisson. 1 a 0 na segunda partida da final. 3 a 1 no placar agregado.

O jogo foi bastante disputado e o juiz Antônio Bid precisou intervir em vários momentos e cartões foram distribuídos. Aos 22 cartão para o zagueiro do Fluzao, David e aos 24, 37 o atacante do Altos, Klenisson e o zagueiro Leandro Amorim. Precisando fazer dois gols para seguir sonhando com o título o técnico Wallace Lemos faz alterações ainda na primeira etapa e coloca Alisson no lugar de Hiago e puxa o zagueiro David para lateral esquerda.

O Fluminense cresce um pouco na posse de bola e fica mais ofensivo, mas praticamente não finaliza. Teve boa chance com Lopeu arriscando de longe, mas bola vai para fora e aos 49, acréscimos, quase chega ao empate, mas Ray salva a jogada de contra ataque, após erro de Lobo ao não tirar bola lateral e Gleisinho faz o cruzamento. A bola passa pelo goleiro Mondragon e o volante é quem consegue cortar a jogada quase em cima da linha do gol.

Na segunda etapa muitas mudanças dos dois lados, mas foi o Altos quem conseguiu cadenciar o jogo e ampliar o placar. O Fluminense até tentava, mas esbarava na falta de criatividade já que o meio campo Bismarck esteve apagado na partida. Aos 33, Manoel recebe passe açucarado de Juninho Arcanjo, que havia acabado de entrar no jogo e marca. Logo dois minutos depois, Manoel aparece novamente e aproveita falta batida por Tiaguinho e faz o devio de cabeça marca o segundo dele e o terceiro do Altos na partida. No placar agregado ficou nítido a superioridade do Jacaré em cima do adversário e somada a vitória de 2 a 1, mas os 3 a 0 do jogo de volta o placar agregado foi de 5 a 1.

O Altos conquista seu terceiro título de campeão Piauiense e de quebra garante também sua vaga direta dentro da Copa do Nordeste 2022. Além disso o time também irá representar o estado do Piauí na Copa do Brasil. O Fluminense tem em seu retorno a elite além de ter chegado a final a Copa do Brasil 2022 e Série D do Brasileiro, após mais de 40 anos longe da elite do futebol.

O Jacaré comemora o título conquistado com méritos, mas sem esquecer que no domingo (30) inicia sua caminhada dentro da Série C do Brasileiro e recebe o Volta Redonda-RJ no primeiro jogo, em Teresina. A situação de permanencia de técnico, no caso o professor Marcelo Vilar e atletas será definida ainda essa semana.

Fonte: Cidade Verde

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar