Destaque

Candidato a vereador mata companheira com 13 facadas por causa de porta de geladeira aberta

Candidato a vereador mata companheira com 13 facadas por causa de porta de geladeira aberta

O candidato a vereador Adílio Sérgio Gomes (PSDB), de 40 anos, é suspeito de matar a companheira com 13 facadas durante briga por causa da porta da geladeira aberta, na noite desse domingo (18/20), em Bandeira do Sul/MG.

A filha do casal, que não teve a idade divulgada, contou à Polícia Militar que os pais passaram o dia em um sítio na zona rural do município Segundo ela não houve briga, mas o casal se desentendeu por causa da geladeira na residência da família.

Ela foi embora para casa primeiro que os pais, que chegaram em seguida. Logo depois, ainda no quarto, a garota ouviu os gritos da mãe, Roberta Camile Araújo Silva, de 34 anos, que foi atingida no quintal da casa.

Uma equipe médica do Pronto Socorro Municipal foi acionada, mas a mulher não resistiu aos ferimentos.

Mulher é morta por causa de geladeira
Mulher é morta por causa de geladeira    Arquivo pessoal

As brigas entre o casal eram constantes, inclusive com agressões físicas mútuas. Mas, ninguém soube informar a motivação do atrito que terminou com o assassinato de Renata. O suspeito não foi localizado pela polícia.

Adílio é comerciante e tem um bar na cidade. O caso é investigado pela Polícia Civil, segundo a reportagem.

Fonte: O Tempo

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar