São Julião

Em São Julião, Gestão Dr. Jonas adere à campanha nacional “Adolescência primeiro, gravidez depois”

Em São Julião, Gestão Dr. Jonas adere à campanha nacional “Adolescência primeiro, gravidez depois”

A Prefeitura de São Julião – PI, na gestão o Povo em Primeiro lugar, que tem à frente do executivo municipal, o Prefeito Dr. Jonas, acaba de aderir à campanha nacional: “Adolescência primeiro, gravidez depois”. A campanha de prevenção à gravidez na adolescência foi lançada pelo Governo Federal através do Ministério da Saúde em parceria com o Ministério da Mulher, Família e dos Direitos Humanos.

A referida campanha tem como objetivo proporcionar junto aos adolescentes, suas famílias e profissionais de saúde, a reflexão sobre as consequências de uma gravidez não intencional e promover o diálogo sobre o assunto.

A situação no Brasil

No Brasil, cerca de 930 adolescentes e jovens dão à luz todos os dias, totalizando mais de 434,5 mil mães adolescentes por ano. Este número já foi maior e agora está em queda. Ainda assim, o Brasil registra a maior taxa entre os países da América Latina e Caribe, chegando a 68,4 nascidos vivos para cada mil adolescentes e jovens.

“Não há nenhuma política que seja única. E essa comportamental é muito importante e nunca foi feita. Estamos com o olhar para os números e suas consequências”, destacou o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Ações da campanha em São Julião

No município de São Julião – PI a campanha “Adolescência primeiro, gravidez depois” será trabalhada durante os meses de fevereiro e março e as ações já começaram a ser desenvolvidas. De acordo com Débora Lima, a campanha abordará também as ISTs, Infecções Sexualmente Transmissiveis chamando a atenção sobre a importância do uso da camisinha e dos métodos contraceptivos, por exemplo.

“A referida campanha foi tema da palestra com o encontro das mães gestantes deste mês no Centro de Referencia de Assistência Social, o CRAS, o médico Dr. Samuel Alencar abordou a temática durante a Jornada Pedagógica nesta quinta-feira (20) com os profissionais de educação e vamos também promover palestras e rodas de conversas nos próximos dias nos povoados Mandacaru e Fujona”, disse a psicóloga, Débora Lima em conversa com a Portal É Notícias.

Clique aqui para abrir o PDF com o Power Point apresentado na coletiva

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar