DestaqueEducação

Filho de ferreiro e auxiliar de serviços gerais é aprovado em Medicina na UFPI

Valber Tiago Silva Sabóia, 19 anos, aprovado em Medicina na UFPI — Foto: Arquivo Pessoal

Filho de uma auxiliar de serviços gerais e de um ferreiro armador foi aprovado no curso de Medicina na Universidade Federal do Piauí (UFPI). O estudante Valber Tiago Silva Sabóia, de 19 anos, contou que já havia sido aprovado em Engenharia Mecânica e Farmácia no ano de 2019, mas que seu grande sonho é ser médico.

O jovem contou que soube da aprovação no curso por um amigo. “Estava em casa mexendo no celular, quando um amigo meu me enviou uma mensagem me contando que eu havia sido aprovado. Quando vi meu nome na lista me deu arrepio, frio na barriga, coração acelerou, fiquei em choque. Liguei na mesma hora para meus pais e dei a notícia”, disse.

O interesse de Valber pela área da saúde começou quando ainda era uma criança. “Desde cedo tenho essa vontade de cursar medicina. Estudava em uma escola voltada para área da saúde, e cursei técnico em Farmácia justamente porque já queria trabalhar com isso. Nunca desisti do meu grande sonho”.

Valber contou ao G1 que é o primeiro da sua família a ingressar em uma universidade pública. “Minha mãe trabalha com serviços gerais e meu pai é ferreiro armador, o dois não possuem formação superior, meus irmão também não, sou o primeiro da minha casa a se tornar um universitário”, relatou.

Rotina de estudos

Universidade Federal do Piauí - UFPI — Foto: Fernando Brito/G1
Universidade Federal do Piauí – UFPI — Foto: Fernando Brito/G1

Valber já havia sido aprovado em outros dois cursos superiores no ano de 2019: Engenharia Mecânica no Instituto Federal do Piauí (IFPI) e Farmácia na UFPI.

O estudante ressaltou que sua rotina diária de estudos era “puxada”. O rapaz focou em estudar principalmente as disciplinas que tinham maior peso na nota: ciências da natureza, matemática e redação.

“Estudava cerca de seis horas diárias em casa quando chegava do preparatório. A rotina de estudos era cansativa, mas que todo o esforço valeu a pena. Meus pais me parabenizaram e disseram que estão orgulhosos e muito contentes com minha aprovação” disse.

FONTE: G1

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar