Destaque

Fortaleza detalha estado de saúde de jogadores após ônibus ser apedrejado em atentado

O Fortaleza emitiu uma nota oficial sobre o incidente ocorrido após o empate com o Sport. No trajeto de retorno ao hotel, o ônibus da equipe foi apedrejado, resultando em seis jogadores feridos que precisaram ser hospitalizados.

Ônibus do Fortaleza é apedrejado (Foto: Reprodução)
Ônibus do Fortaleza é apedrejado (Foto: Reprodução)

De acordo com os relatos do clube, os seguintes jogadores foram atingidos: o goleiro João Ricardo sofreu um corte no supercílio, enquanto o lateral-esquerdo Gonzalo Escobar foi atingido na cabeça, sofrendo uma pancada, um corte na boca e outro no supercílio. Já o lateral-direito Dudu, os zagueiros Titi e Brítez, e o volante Lucas Sasha foram feridos por estilhaços de vidro, resultando em sangramentos.

João Ricardo e Gonzalo Escobar passaram por procedimentos de sutura para receber pontos cirúrgicos. O lateral-esquerdo será submetido a exames de tomografia na cabeça, mas está consciente e em condição estável, conforme relatado pelo Fortaleza. Os demais atletas serão submetidos a cuidados médicos para a remoção dos estilhaços de vidro do corpo.

Fortaleza emite nota detalhando situação de jogadores após atentado | Reprodução

Confira a nota completa: 

“O ônibus da delegação do Fortaleza, que embarcava atletas, comissão técnica, staff e diretoria, foi atacado por bombas e pedras por torcedores do Sport na saída da Arena de Pernambuco após o jogo pela Copa do Nordeste.

Após o ocorrido, a delegação foi levada rapidamente e diretamente ao hospital mais próximo de Recife.

Seis jogadores foram atingidos: o goleiro João Ricardo foi ferido com um corte no supercílio e o lateral-esquerdo Gonzalo Escobar sofreu uma pancada na cabeça, um corte na boca e um outro corte no supercílio. O lateral-direito Dudu, os zagueiros Titi e Brítez, e o volante Lucas Sasha foram feridos com estilhaços de vidro e tiverem que conter sangramentos.

João Ricardo e Gonzalo Escobar passaram por suturas, procedimento de recebimento de pontos cirúrgicos. O lateral-esquerdo também irá realizar exames de tomografia na cabeça, mas está bem e consciente. Os demais atletas passarão por cuidados médicos para a retirada de estilhaços de vidro pelo corpo.

Seguimos no aguardo de novas atualizações e, neste momento, estamos dando às devidas assistências aos componentes de toda delegação.” 

Fonte: Meio Norte

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Portal É Notícias