Destaque

Gaúchos perderam 200 mil carros na enchente e a minoria deve ter seguro

Bright Consulting estima que 5% a 10% da frota gaúcha deve estar inutilizada; concessionárias perderam 3 mil carros em estoque

Segundo a Bright Consulting, uma consultoria especializada no setor automotivo, estima-se que os gaúchos tenham perdido cerca de 200 mil veículos devido às inundações no Rio Grande do Sul. Além disso, as concessionárias afetadas pelas enchentes provavelmente perderam aproximadamente 3 mil carros zero quilômetro que estavam disponíveis para venda.

MAIORIA NÃO TEM SEGURO

Com base nos dados do Sindipeças, que indica uma frota de 2,8 milhões de veículos no Rio Grande do Sul, a consultoria estabelece uma estimativa de 200 mil veículos perdidos nas enchentes. Pagliarini, analista da Bright, avalia que apenas uma minoria desses veículos possui seguro contra enchentes. Segundo ele, aproximadamente 30% desse total, ou seja, cerca de 60 mil unidades, devem estar seguradas contra danos causados por inundações.

COBERTURA ESPECÍFICA

Segundo a Confederação Nacional das Empresas de Seguro (CNseg), os proprietários de veículos serão indenizados caso tenham contratado uma cobertura específica contra enchentes. Diante da tragédia e de outros danos materiais, o analista observa que é provável que muitos motoristas optem por utilizar os recursos financeiros disponíveis em despesas urgentes, como a reconstrução de suas residências.

SETOR AUTOMOTIVO ENFRENTARÁ DESAFIOS

Além disso, a Bright Consulting estima que as concessionárias gaúchas tenham perdido cerca de 3 mil veículos, principalmente novos, que estavam em exposição nas lojas. O setor automotivo enfrenta desafios adicionais, como a redução da produção na fábrica da General Motors em Gravataí, no Rio Grande do Sul. Isso se deve, em parte, à escassez de peças fabricadas no estado, que são utilizadas na montagem de veículos por diversas montadoras em todo o Brasil.

Fonte: Meio News

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Portal É Notícias