Municípios

Homem surta, mata dono de bar e esfaqueia mulher dele em cidade do Piauí

A ação rápida de uma guarnição da Polícia Militar, comandada pelo Tenente Carvalho, resultou na prisão em flagrante delito do nacional Osvaldo Silva de Paulo, de 39 anos, que assassinou  com uma facada no peito esquerdo o senhor João Batista da Silva, dono de um bar, conhecido popularmente como ‘João Cláudio’, de 58 anos, neste domingo (20/10) . Ele também tentou contra a vida da esposa do homem morto, a senhora Eliedivani Pereira de Araújo, de 42 anos, que foi lesionada com um violento golpe de faca no braço esquerdo.

O crime ocorreu na residência das vitimas, situada na localidade Capiberibe, zona rural de Cocal, município da região norte do Piauí.

As vítimas, marido e mulher, juntamente com outras duas pessoas, conversaram na cozinha de casa, quando Osvaldo invadiu o imóvel armado com uma faca e sem motivos passou a atacar os moradores.

Ao atenderem a ocorrência, os militares localizaram o suspeito próximo ao local do ocorrido, já dominado por moradores que queriam fazer justiça com as próprias mãos. Na sequência, o homem foi conduzido para a Central de Flagrantes de Parnaíba.

Populares comentaram com a polícia que Osvaldo é muito tranquilo, mas que se transforma em uma pessoa violenta e de alta periculosidade, pois tem surtos psicóticos quando está sob o efeito de bebida alcoólica, inclusive, muito conhecido naquele entorno pelo fato de sempre que está embriagado ter o perverso hábito de esfaquear animais (gado, jumento, dentre outros) que ele encontra pela frente.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) atendeu o senhor João e o encaminhou o para a UBS São Pedro, onde atualmente está funcionando o hospital da cidade. Os socorristas e o médico plantonista ainda conseguiram reanimar a vitima por alguns momentos, mas ela não resistiu às complicações do ferimento.

A senhora Eliedivani Pereira também foi levada para a mesma unidade de saúde, onde teve a lesão suturada, sendo liberada após o atendimento médico.

Por se tratar de morte de natureza violenta, o corpo será removido para o posto avançado do Instituto Médico Legal (IML) de Parnaíba-PI.

Osvaldo e um sobrinho foram presos na noite do dia 23 de fevereiro de 2016, suspeitos de uma tentativa de estupro contra uma adolescente de 14 anos, no povoado Baixa do Cocal.  Um ano após o ocorrido, Osvaldo foi absolvido das acusações e seu sobrinho sentenciado a uma pena de 9 anos e 6 meses

Fonte: 180graus/Com informações do Blog do Coveiro

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar