Destaque

Inacreditável, saiu o novo valor que LULA vai pagar a milhões de brasileiros

Famílias começam a receber adicional de R$ 150 a partir deste mês e expectativa só aumenta com a proximidade dos pagamentos

A expectativa de milhões de usuários do Bolsa Família vem crescendo a cada dia. Isso porque o início do pagamento do benefício está cada vez mais próximo, e os beneficiários terão uma grande surpresa em março.

Em resumo, os usuários do Bolsa Família vêm recebendo um valor médio de R$ 600 no país em 2023. Na verdade, essa parcela está sendo paga desde agosto do ano passado, quando o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro elevou o valor pago no país, de R$ 400 para R$ 600, em média.

Em 2023, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) conseguiu manter o valor no mesmo patamar graças à Emenda Constitucional nº 126, que elevou o teto de gastos em R$ 145 bilhões. Assim, o governo federal fica livre para direcionar bilhões de reais para o principal programa de transferência de renda do país, sem se preocupar com o teto de gastos.

Aliás, vale destacar que o teto de gastos públicos é a principal ferramenta de controle fiscal do Brasil. Em suma, a regra limita o crescimento da maior parte dos gastos públicos à inflação acumulada no país em 12 meses até junho do ano anterior. Contudo, a Emenda Constitucional nº 126 liberou R$ 145 bilhões para o governo federal utilizar, sem precisar se preocupar com o teto de gastos.

Bolsa Família no governo LULA pode pagar R$ 900

Embora o valor médio do Bolsa Família seja de cerca de R$ 600 no país, várias famílias deverão receber um valor bem mais expressivo em março. Em síntese, o presidente Lula fez diversas promessas durante a campanha eleitoral em 2022, e uma delas consistia no pagamento adicional de R$ 150 por criança de até seis anos de idade.

A saber, o valor adicional será limitado a duas crianças, ou seja, as famílias só receberão até R$ 300 extras, referentes a duas crianças. Dessa forma, o valor base do Bolsa Família, somado ao adicional de R$ 150 de duas crianças, será de R$ 900, e não mais de R$ 600.

No entanto, as famílias poderão receber ainda mais que R$ 900 com o Bolsa Família, mas isso só deverá acontecer em junho. Em resumo, gestantes, crianças a partir de sete anos e adolescentes até 18 anos irão receber um adicional de R$ 50, mas só daqui há três meses.

“Os adicionais de R$ 50 para as gestantes e a faixa etária de sete a 18 anos começarão a ser pagos no mês de junho. Com base no levantamento de março, o programa tem a estimativa de 7,1 milhões de crianças de sete a 12 anos, 7,9 milhões de adolescentes de 12 a 18 anos, e 820 mil gestantes”, informou o governo federal.

Valor do Bolsa Família pode chegar a R$ 900 no governo LULA

Valor do Bolsa Família pode chegar a R$ 900 no governo LULA. Foto: TON MOLINA/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Em março, o governo federal deverá pagar um benefício médio de R$ 669,93 por família. Esse valor ficará bem acima do registrado em fevereiro, quando as famílias receberam, em média, R$ 606,91 no país. Aliás, “a folha de pagamento deve totalizar aproximadamente R$ 14 bilhões”, segundo o governo.

“Para junho, com o início dos pagamentos dos demais adicionais, a projeção é de que o benefício chegue a aproximadamente R$ 714”, destacou.

Calendário de pagamentos em março

Os pagamentos da parcela do Bolsa Família terão início na próxima semana. Em suma, as famílias beneficiárias do programa recebem o valor através da Caixa Econômica Federal, nas agências ou pelo aplicativo Caixa Tem.

Vale destacar que o calendário de pagamentos do programa distribui os repasses nos últimos dias úteis de cada mês. Como os repasses seguem a numeração final do Número de Identificação Social (NIS), os pagamentos ocorrem durante dez dias, começando com a numeração 1 até o o.

A propósito, é o NIS que permite ao governo federal identificar os cidadãos que recebem benefícios sociais no país. Como os repasses acontecem conforme o último dígito do NIS, um novo grupo tem acesso ao valor em suas contas a cada dia útil todos os meses.

Veja abaixo o calendário de pagamentos do Bolsa Família de março de 2023:

  • Beneficiários com o NIS de final 1: 20 de março;
  • Beneficiários com o NIS de final 2: 21 de março;
  • Beneficiários com o NIS de final 3: 22 de março;
  • Beneficiários com o NIS de final 4: 23 de março;
  • Beneficiários com o NIS de final 5: 24 de março;
  • Beneficiários com o NIS de final 6: 27 de março;
  • Beneficiários com o NIS de final 7: 28 de março;
  • Beneficiários com o NIS de final 8: 29 de março;
  • Beneficiários com o NIS de final 9: 30 de março;
  • Beneficiários com o NIS de final 0: 31 de março.

Fonte: Notícias Concursos

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Portal É Notícias