Monsenhor Hipólito

Morador de Monsenhor Hipólito com câncer em metástase luta pra receber medicamento 

Morador de Monsenhor Hipólito com câncer em metástase luta pra receber medicamento 

O motorista Cícero José de Lima, de 56 anos, residente na cidade de Monsenhor Hipólito e diagnosticado com câncer em estado de metástase, luta para receber os medicamentos necessários para o seu tratamento já garantidos pela justiça.

O homem recebeu o diagnóstico de câncer no rim em novembro de 2018, logo após o resultado, Cícero foi submetido a uma cirurgia no dia 18 de janeiro de 2019. Porém, durante um dos acompanhamentos em abril do mesmo ano, ele foi diagnosticado com metástase, o problema aparentemente resolvido no rim com a retirada deste, havia se espalhado pelos ossos e pelos dois pulmões.

O médico oncologista, Dr. Fabiano, receitou 3 sessões de quimioterapia intercaladas com o medicamento Interferon, a cada mês uma sessão de quimioterapia mais a liberação de uma dose do medicamento para aplicação em casa no mês seguinte, o ciclo se repetiu por 6 meses.

Não obtendo resultado, o médico receitou 10 sessões de radioterapia que novamente mostrou-se insuficiente. O insucesso fez com que Dr. Fabiano receitasse um novo medicamento, o Pazipanib, que não faz parte da lista de medicamentos fornecidos pelo SUS.

Em  julho de 2019 foi protocolado pela Defensoria Pública Federal, uma ação para o fornecimento do Pazopanib de uso contínuo. O processo foi julgado pelo juiz federal Dr. Márcio Braga Magalhães, responsável pela 2ª vara Federal Cível da Subseção Judiciária de Teresina, que deferiu em favor do paciente na data de 18/12/2019, notificando a Secretaria Estadual de Saúde.

Desde a data citada e até os dias atuais, a determinação não foi cumprida e quando indagada pelo paciente, a instituição de saúde estadual não responde precisamente; sempre alegando que  “está em análise”, sem nunca citar uma data ou qualquer espécie de prazo. No curso deste tempo, a doença se agravou e por ser nos ossos o paciente encontra-se em uma cadeira de rodas desde dezembro de 2019, além dos pulmões começarem a demonstrar as consequências que a doença vem lhe causando.

O senhor Cícero José faz um apelo as autoridades responsáveis para que o cumprimento da determinação judicial seja efetivado, em vista que esta situação é uma oportunidade para o mesmo recuperar a sua integridade física.

Fonte: 180graus

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar