DestaquePiauí

Piauí ganhará três novas empresas que serão instaladas em Teresina e no interior

As empresas serão beneficiadas com incentivos fiscais aprovados pela Sefaz e pelo Conselho de Desenvolvimento Industrial do Piauí (Codin)

Na quinta-feira (25), a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) do Piauí conduziu uma reunião com membros do Conselho de Desenvolvimento Industrial do Estado (Codin) para discutir a chegada de novas empresas à região. Durante o encontro, foram apresentados três projetos empresariais: um voltado para energia renovável solar, outro para um frigorífico industrial destinado ao abate de bovinos e suínos, e o terceiro para a fabricação de equipamentos de distribuição e controle de energia elétrica. Essas empresas planejam estabelecer suas operações em Ribeiro Gonçalves e Teresina, respectivamente.

Piauí ganhará três novas empresas que serão instaladas em Teresina e no interior | Foto: Angelo Marcos/Sefaz

“São grandes empreendimentos que vão gerar, de forma direta e indireta, cerca de 2.215 empregos em dois anos. A chegada de empresas movimenta nossa economia e repercute no desenvolvimento do Piauí. A atual gestão tem esse compromisso de tornar nosso estado cada vez mais competitivo e com uma maior geração de emprego e renda para a população das cidades beneficiadas”, afirmou o secretário da Fazenda, Emílio Júnior.

As três empresas chegarão ao estado com incentivos fiscais aprovados pelo conselho, que tem representantes do Governo do Piauí, Banco do Nordeste (BNB), Centro das Indústrias do Piauí (CIEPI), Comissão Técnica de assessoramento do Codin (Cotac), Federação das Indústrias do Estado do Piauí (Fiepi) e Associação Piauiense de Municípios (APPM).

Para o presidente da Cotac, Orisvaldo Cruz, “o Piauí tem uma das melhores legislações de atração e incentivos fiscais para o setor industrial e a Cotac tem se empenhado e está disposta a dar todo o suporte necessário para os empresários se instalarem ou ampliarem suas atividades no estado”, destacou.

Já o diretor de Atração de Investimentos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (SDE), Ulysses Moraes, ressaltou a importância da instalação dessas empresas no estado.  “As empresas que foram contempladas com incentivo fiscal farão investimentos significativos que irão impactar na economia do interior e da capital. É mais um passo que o governo dá no sentido de apoiar a geração de emprego e renda em nosso estado”.

Fonte: Meio Norte

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Portal É Notícias