Municípios

Piauiense publica emocionante agradecimento a doador de medula

Uma piauiense filha de agricultores da cidade de Nova Santa Rita divulgou uma carta aberta em agradecimento a um doador de medula óssea anônimo residente em Maceió (AL).

Iderlâne Marques, de 24 anos, psicóloga formada, publicou um emocionante relato de amor à vida e alegou que seu misterioso doador foi o “responsável pelo dia mais feliz” de sua vida.

A jovem descobriu possuir aplasia medular, uma doença rara responsável pela produção insuficiente de células sanguíneas na medula óssea.

Ela precisou enfrentar mais um desafio. Por ser filha única, seria necessário buscar um doador de médula que fosse compatível para poder ter chances de sobreviver.

Iderlâne e seu pai – foto: Arquivo Pessoal

Cerca de 1.600 pessoas da cidade onde morava se prontificaram a cadastrar-se como possíveis doadores para poder ajudá-la. Após meses, finalmente, um possível doador foi encontrado.

Entretanto, a boa notícia não durou muito tempo, pois, depois de três dias, o procedimento foi cancelado. Novamente, após meses de espera, um doador anônimo morador de Maceió se demonstrou compatível para a realização do transplante.

Agora, Iderlâne diz estar vivendo “uma paz única” e alegou que “nunca foi tão feliz” por ter conseguido receber uma medula compatível. Apesar de ter recebido alta, a psicóloga continuará internada durante alguns meses, mas o sentimento de felicidade e gratidão toma conta da jovem.

View this post on Instagram

CARTA PARA O MEU DOADOR DE MEDULA ÓSSEA: Oi, não sei o seu nome, só me falaram que é homem, de Maceió, tipo sanguíneo A+ e que tem mais ou menos a minha idade. Tenho que te contar que hoje fazem 14 dias que colocaram em mim um pouquinho de você e foi o suficiente para a MEDULA PEGAR E JÁ DE DERAM ALTA DEPOIS DE UM MÊS INTERNADA. Graças a Deus que cuidou de cada detalhe, depois graças a você por existir e por ser tão generoso. Você precisa saber o quanto te amo, mesmo sem conhecer, mesmo com tão pouco tempo que sei da sua existência. Eu tive tanto medo que você nunca existisse, a minha cura dependia por inteiro de você. Rezei tanto pra você aparecer na minha vida! Tanta gente rezou por isso! Tanta gente daqui te ama! Você foi responsável pelo dia mais feliz da minha vida!!! Antes da sua existência sempre havia um medo, pois eu sabia da gravidade da doença e da raridade de encontrar alguém compatível no banco de dados! Numa consulta de rotina meu médico olhou nos meus olhos e falou que eu tinha um doador… perguntei a ele três vezes se era verdade, ele me mostrou o e-mail kkkk Eu só conseguia chorar, foi um dia único, marcante, inexplicável, jamais esquecerei do que senti. Depois de saber da tua existência retirei um peso enorme das costas, voltei a dormir bem novamente. Graças a sua existência eu pude ter a coragem de voltar a planejar toda a minha vida! Voltei a acreditar que teria o meu Juliano e minha princesa, pude voltar a pensar em exercer minha profissão, dançar meus forrós, replanejar as minhas viagens…fazer tudo que eu tenho vontade de viver. Você trouxe a paz para os meus pais novamente, como eles sofreram com tudo! Como eles vibraram por você existir. Hoje me pergunto se você não existisse? E se nunca tivesse se cadastrado como doador? E se tivesse se recusado ao ser convidado para me salvar? Me emociono todas as vezes que lembro de ti, choro sempre que lembro. Espero que queira me conhecer, espero que tenha paciência para eu te contar tudo o que significa em minha vida! Espero que nunca se esqueça o quanto é luz no mundo! Você deve ter teus defeitos, claro! Mas é alguém de um coração enorme e que salvou a minha vida! #quechegueotempodetever 🙏

A post shared by Iderlâne Marques (@iderlane_marques) on

Fonte: Gazeta Web

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar