PicosPolícia

Suspeito de crimes em Picos é morto em confronto com a PM

Suspeito de crimes em Picos é morto em confronto com a PM – Foto: Reprodução

Além da prisão de Hassan Rufino Borges Prado Júnior, filho do ex-comandante do 4º BPM (Batalhão da Polícia Militar), e ex-comandante da Polícia Militar do Estado do Piauí, Coronel Francisco Prado, um criminoso bastante conhecido na Região de Picos, identificado como Antônio Paulo de França, que era mais conhecido como Paulo França ou “Paulinho”, foi morto em confronto com a polícia militar na cidade de Barras, na manhã desta segunda-feira (06).

Ambos faziam parte de uma quadrilha que assaltou as agências do Bradesco e do Banco do Brasil, de Campo Maior, na madrugada do último dia 30 de abril.

O Comandante do 4º BPM, Tenente-coronel, Edwaldo Viana, confirmou a morte de Paulo França. “Com a morte desse aqui, um dos bandidos que também estava agindo na Região Sul do Estado do Piauí, nós vamos ter mais tranquilidade”, pontuou.

Edwaldo Viana frisou que Paulo França era considero de alta periculosidade e há poucos dias o 4º Batalhão da Polícia Militar realizou uma operação com o objetivo de prendê-lo. Mas ele acabou fugindo.

“Há 15 dias, quando eu falei que íamos pegar um bandido, era desse aí que eu estava atrás. Nós montanos uma operação para poder pegá-lo, mas ele foi avisado. Era cheio de informantes esse cara, um dos bandidos mais perigosos dessa Região Sul. Graças a Deus desceu as cordas agora em combate com a polícia”, comentou.

Prisões

Em 2012 Paulo França foi preso acusado de participação no assalto a joalheira Cristal Modas, localizada na Avenida Getúlio Vargas, no Centro de Picos. Conforme as investigações da polícia, ele deu suporte aos assaltantes que cometeram o crime.

Já em 2009, Paulo França foi um dos presos da “Operação Própolis” de combate ao tráfico de drogas. Naquela oportunidade a prisão aconteceu na zona rural do município de São João da Canabrava.

Fonte: O Povo

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar