DestaquePiauí

Suspeito de decapitar e esquartejar dois homens no Piauí é preso no DF

Um homem suspeito de participar de assassinatos brutais na cidade de Parnaíba no Piauí foi localizado e preso pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), na noite desta segunda-feira (1º/04), em Ceilândia Norte. As informações são do Metrópoles. 

Segundo o cabo Mafra, o suspeito dirigia uma motocicleta registrada como roubada. “Quando intensificamos o patrulhamento, encontramos o veículo e ele tentou fugir, mas foi abordado metros adiante. Constatamos que a moto era produto de furto realizado no sábado (30/3)”, contou.

Ainda de acordo com o militar, na 15ª Delegacia de Polícia (Ceilândia) foi descoberto que havia mandado de prisão em aberto com validade de 20 anos.

“Ele foi levado para a DP, a princípio, pelo roubo da moto. Mas lá descobriram esse mandado. Ele assumiu e contou detalhes dos crimes. Era o último dos suspeitos que ainda estava foragido”, acrescentou o militar.

O policial afirma que o homem, preso nesta segunda (1º/04), é suspeito de auxiliar na execução de dois assassinatos brutais no município de Parnaíba, no Piauí.

De acordo com as investigações, os corpos de duas pessoas foram encontrados enterrados em um quintal de uma residência. Os dois casos ocorreram em março do ano passado.

Os cadáveres estavam esquartejados e amarrados, apresentando sinais de tortura. As cabeças, por sua vez, foram encontradas em outros locais do terreno.

Corpos encontrados decapitados em Parnaíba 

Dois corpos decapitados e mutilados foram encontrados enterrados na área externa de uma residência na rua Anhanguera, do bairro Piauí, em Parnaíba, no dia 1º de março de 2018.

    Foto: PHB em Nota

A Polícia Militar informou que foi acionada por vizinhos que no dia anterior, escutaram muitos gritos e pedidos de socorro vindos da residência. Suspeita-se que o local funcionasse como ponto de venda e consumo de droga.

“Ligaram para o 190 e informaram que tinha um corpo enterrado na casa. Verificamos se seria no quintal, mas depois percebemos a terra remexida aqui na parte da frente e começamos a cavar, até encontramos o joelho de um dos corpos. Foi quando acionamos a perícia e o IML”, informou o sargento Marcos.

    Foto: Reprodução/TV Meio Norte

Acionados, homens dos Bombeiros, IML e Perícia trabalharam para desenterrar os corpos. As equipes tiveram trabalho para encontrar a cabeça de uma das vítimas. Um dos corpos foi cortado ao meio.

Na sala da residência havia ainda muito sangue, indicando o possível local onde as vítimas teriam sido assassinadas.

A polícia informou ainda que quando a guarnição se aproximava, quatro pessoas foram vistas deixando a residência, mas acabaram não sendo abordadas pelos policiais. “Não sabíamos naquela hora em que circunstâncias essas pessoas poderiam estar envolvidas”, disse o militar.

Enquanto as equipes trabalhavam, muitos populares se aglomeraram em frente à residência de número 2439. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Fonte: 180graus/Metropolis

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar