MunicípiosPiauí

Vídeo: Polícia é acionada após caixão ser enterrado sem o corpo de bebê morto no Sul do Piauí

No Sul do Piauí, um caixão vazio foi enterrado no cemitério de Ribeiro Gonçalves devido a um equívoco no necrotério do Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano. Após três dias do sepultamento, a família foi informada pela polícia na terça-feira (21) de que o corpo ainda estava no hospital. O hospital indicou que uma funerária foi responsável pelo serviço.

Segundo o delegado Marcos Halan, a mãe foi ao Hospital Regional Tibério Nunes em Floriano já em trabalho de parto e ficou internada na sexta-feira (17). O bebê, no entanto, nasceu morto, e a mãe permaneceu internada até domingo (19). A família, em colaboração com a prefeitura da cidade, organizou o traslado e o caixão para o enterro.

O sepultamento ocorreu na sexta-feira, mas três dias depois a família recebeu a ligação do hospital avisando que o bebê ainda estava no necrotério. Profundamente abalada, a família procurou a polícia. Um vídeo mostra o pequeno caixão sendo retirado da cova completamente vazio.

O delegado explicou que o caso não constitui crime, já que houve apenas um equívoco no momento em que o caixão deixou o hospital e foi levado pela família. Ele esclareceu que não houve a intervenção de uma funerária no procedimento. Os pais do bebê, no entanto, têm a possibilidade de buscar indenização por danos morais e materiais.

Veja o que diz o hospital:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

O Hospital Regional Tibério Nunes esclarece que o serviço de transferência de corpos para as urnas funerárias é de responsabilidade das funerárias e prestadores de serviço contratados pela família.

Esta unidade de saúde esclarece ainda que, assim que detectou a falha no serviço que fora enviado pela prefeitura de Ribeiro Gonçalves, para execução da transferência do natimorto para urna, bem como o transporte do mesmo para execução do funeral, contactou a família e providenciou todo suporte para que a mesma pudesse receber o corpo de forma adequada e realizar o funeral.

Fonte: 180graus

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Portal É Notícias