Alegrete do PiauíDestaqueNotícias

Assembleia aprova criação da Paróquia de Alegrete do Piauí

Assembleia aprova criação da Paróquia de Nossa Senhora de Fátima em Alegrete do Piauí
Assembleia aprova criação da Paróquia de Alegrete do Piauí

O município de Alegrete do Piauí, localizado no Sul do Estado, terá mais uma das paróquias que integrarão a Diocese de Picos. O anuncio foi feito pelo Padre Antônio Ismael de Holanda ao Portal Cidades na Net.

Desde de 1959 centenas de fiéis buscam a intercessão de Nossa Senhora de Fátima, no município de Alegrete.  Santa padroeira que surgiu há cem anos com base nos relatos das aparições reportadas por três pastorezinhos no lugar da Cova da Iria, na freguesia de Fátima, em Portugal.

A santa é querida e venerada pelos alegretenses.  A história da cidade permeiam em torno do religioso Antônio Elpidio Ramos que trouxe a primeira imagem da santa e da capelinha que foi alicerçada no ainda Povoado de São Julião. Os tempos passaram e a fé a religião católica tem crescido na cidade, com isso, o desejo no coração de todos para a criação da Paróquia de Nossa Senhora de Fátima.

Atendendo essa necessidade espiritual, pastoral e de evangelização no município, e após quase dois anos de instalação da Área Pastoral Nossa Senhora de Fátima, criada em 24/10/2014, englobando os municípios de Alegrete e Francisco Macedo, o padre Antônio Ismael de Holanda, que atualmente é vigário paroquial apresentou em assembleia,  realizada na última sexta-feira, dia 01 de setembro, no Centro de Treinamento Diocesano de Picos – CTD –  o relatório que pede ao Bispo Diocesano Dom Plínio José a criação e instalação da paróquia de Nossa Senhora de Fátima, no município  de Alegrete.

A nova paróquia será desmembrada da Paróquia de Santo Antônio, do município Padre Marcos

Colocado em Assembleia para votação e aprovação o Bispo, os padres e leigos presentes a assembleia decidiram por criar a Paróquia.

Um trecho do relatório, ao qual o Portal Cidades Na Net, teve acesso exclusivo, diz que a criação da paroquia é uma necessidade da população de Alegrete do Piauí e Francisco Macedo.

“O povo destas cidades mostram-se bastante interessados em realizar o sonho de que a Área Pastoral Nossa Senhora de Fátima se torne Paróquia. Tal desejo cresceu após, o Bispo D. Plínio colocar o Pe. Antônio Ismael de Holanda para residir com o povo destas localidades e proclamá-las Área Pastoral Nossa Senhora de Fátima no dia 24 de outubro de 2015. A partir daí, tal desejo só cresceu, manifestando-se em ações concretas.

Os leigos se organizaram e se comprometeram de tal forma que, num período um ano e cinco meses formaram o Conselho Pastoral em Alegrete, como também do Conselho Econômico da área Pastoral, seguido pela criação de Conselhos Comunitários em todas as comunidades rurais. Além disso, compraram o carro para a Área Pastoral, afim de atender melhor as comunidades, reformaram a casa paroquial, criou-se Pastoral Familiar tanto em Alegrete como em Francisco Macedo, e agora estão montando a futura secretaria paroquial na sede de Alegrete, além de trabalhar a evangelização do dízimo em todas as comunidades”, diz um trecho do documento.

A nova paróquia será desmembrada da Paróquia de Santo Antônio, do município Padre Marcos, que tem como pároco o Padre Fernando Amando e vai compreender também o município de Francisco Macedo com extensão para as comunidades rurais.

Instalação

No próximo domingo, dia 10 de setembro, acontecerá uma reunião com o Bispo, padres e a comunidade para marcarem a data da instalação da paróquia.

Iago Sousa/Cidades Na Net

 

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar