São Julião

Por recomendação da Justiça, Câmara de São Julião instaura procedimento administrativo de cassação de mandato do vereador Renaldinho

Em Sessão Ordinária realizada nesta sexta-feira, 22 de novembro, a Câmara de São Julião – PI abriu procedimento administrativo de cassação de mandato do vereador Renaldo Ramos Rodrigues, o Renaldinho (PP).

A anulação do mandato do parlamentar, segundo alega o Ministério Público, é que o vereador Renaldinho teria faltado dez sessões ordinárias durante o ano de 2017, não apresentando nenhuma justificativa, o que teria, portanto, dado origem ao Inquérito Civil.

Presidente da Câmara de São Julião, João Neto Leal (PSB),

De acordo com presidente João Neto Leal (PSB), o procedimento é uma recomendação expedida pelo Ministério Público do Piauí através do Promotor de Justiça, Dr. Eduardo Palácio Rocha.

“Estamos aqui em cumprimento da Lei, pois recebemos esta recomendação da Promotoria de Justiça da Comarca de Fronteiras – PI recomendando que seja iniciado o procedimento de perda do mandato do vereador Renaldinho, no entanto, vamos fazer direito, obedecendo a Lei e ele terá todo o direito à ampla defesa”, explicou o presidente.

Davi Júnior, assessor jurídico da Câmara dos Vereadores de São Julião – PI

Presente à Sessão, o advogado Davi Júnior, assessor jurídico da Câmara dos Vereadores de São Julião – PI explicou aos parlamentares e ao público presente, os procedimentos a serem seguidos.

“Será formada inicialmente uma Comissão Processante através de sorteio composta de três vereadores, sendo um presidente, um relator e um secretário, e esta CP se encarregará de acompanhar todo o processo”, explicou o assessor jurídico.

Câmara sorteia Comissão Processante para acompanhar processo contra o vereador Renaldinho

Após as explicações do advogado, o presidente João Neto Leal conduziu o sorteio e a Comissão Processante ficou formada pelos seguintes parlamentares:

Presidente: Vereador Fábio Silva (PT)
Relator: Vereador Tarcilo Rocha (MDB)
Secretário: Vereador Chico Neto

Presente à Sessão, o vereador Renaldinho disse que exerce o mandato pela terceira consecutiva e nunca teve problemas com a justiça.

Vereador Renaldinho

“Estou no meu terceiro mandato de vereador e nunca tive nenhuma denuncia junto ao Ministério Público. Se eu faltei algumas sessões sempre foi comunicado, mas de forma verbal, só agora estou ciente de que precisava ser documentado. Reitero que sempre trabalhei pelo bem desta casa legislativa e em benefício do povo de nosso município, acredito que tudo será esclarecido e que continuaremos trabalhando pela população de São Julião”, disse o vereador.

Matéria relacionada: Em Sessão Ordinária, Câmara de São Julião aprova compra de terreno pra construção da sede própria

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar