Destaque

Família pede ajuda para soltura de piauiense preso nos atos antidemocráticos em Brasília

Familiares do piauiense identificado como Josimar Vieira de Meloque também está preso após participar dos atos antidemocráticos em Brasília no último dia 8 de janeiro, pedem ajuda para trazê-lo de volta para Teresina.

O irmão de Josimar conversou com o repórter da Rede Meio Norte, Kilson Dione e informou que a família está desesperada. Segundo ele, Josimar foi para Brasília na quarta-feira antes dos atos de terrorismo e antes disso tinha passado alguns meses na frente do 25º BC em Teresina. 

“Tudo indica que ele está preso. Uma advogada chamada Ana Joyce falou comigo e me disse que foi ela quem embarcou todos para Brasília e que ele teria sido preso por esse vandalismo que teve lá. Só que eu só tive dois contatos com ela, depois disso não tinha mais como ter informação sobre ele, ela só me disse que ia botar um advogado lá de Brasília para ficar dando notícias”, declarou.

Josimar Vieira de Melo está entre os presos em Brasília - Foto: Reprodução
Josimar Vieira de Melo está entre os presos em Brasília – Foto: Reprodução

O irmão do bolsonarista disse ainda que a única coisa que preocupa a família é a saúde de Josimar. “Eu disse para ele que a única coisa que me preocupa é a saúde dele, ele é cirurgiado, tem um pouco de desvio mental. Eu creio que ele foi influenciado, ele só queria estar pisando naquele local por amar Brasília, ele não tinha interesse de jamais destruir ou quebrar qualquer patrimônio de Brasília, o sonho dele era de morar em Brasília”, disse. 

Josimar aparece em um vídeo em cima de um banco fazendo ajustes em uma barraca e afirmando: ‘Vamos tirar o Lula, se Deus quiser o Bolsonaro vai voltar’. 

“O que a gente quer é que tragam ele de volta, é uma pessoa ingênua, se dá com todo mundo, se disser que é pra ajudar ele ajuda”, pediu.

Loading video

Josimar Vieira Melo aparece em lista dos presos - Foto: ReproduçãoJosimar Vieira Melo aparece em lista dos presos – Foto: Reprodução


Fonte: Meio Norte

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo