Alagoinha do PiauíDestaqueMunicípiosNotícias

Prefeito de Alagoinha Jorismar Rocha participa de reunião para discutir Operação Pipa com 25º BC e Defesa Civil em Teresina

Prefeito de Alagoinha Jorismar Rocha participa de reunião para discutir Operação Pipa com 25º BC e Defesa Civil em Teresina

Cerca de 60 municípios participam na manhã desta sexta-feira (9) do primeiro encontro do 25º Batalhão de Caçadores com prefeitos e presidentes das Coordenadorias Municipais de Defesa Civil (Comdecs). O objetivo da reunião era esclarecer e difundir as atividades do Exército no âmbito da Operação Pipa e resolver individualmente o problema de abastecimento por carro-pipa de cada município.

 O comandante do 25º BC, tenente-coronel Francisco Nixon, destacou que as dificuldades que ora estão surgindo na Operação Pipa são decorrentes do aprimoramento e arrocho da fiscalização promovidos pelo Batalhão.

 “A fiscalização tem sido bastante intensa, inclusive, com monitoramento dos carros-pipas por GPS e a verificação da qualidade da água e das condições do caminhão-pipa. O importante é salientar que ninguém ficará sem água. O Exército conta ainda com 57 viaturas que serão utilizadas onde, por algum motivo, o pipeiro paralisou as atividades e estamos abertos a criação de novas rotas”, relatou o comandante.

 Atualmente, 60 municípios têm suas zonas rurais atendidas pelos pipas do 25º BC e outros 27 têm carros contratados pela Defesa Civil estadual, estes atendem a zona urbana dos municípios. São 1.100 pipeiros credenciados, sendo que 573 são sorteados pelo Exército para trabalhar por trimestre.

Segundo o coordenador da Defesa Civil do Estado, Vitorino Tavares, na maioria dos municípios o carro-pipa é a única opção, caso os açudes e barragens no interior sequem completamente.

“Só temos essa alternativa, pois captar água e enviar por adutora é muito caro. Os poços são muito distantes e torna a operação mais cara”, declarou, acrescentando ainda que o racionamento de água em 40 cidades do Piauí deve começar a partir da próxima semana. A Defesa Civil também realizará, no fim deste mês, um curso de capacitação para as Comdecs. O curso vai acontecer na Associação Piauiense de Municípios (APPM).

O tesoureiro geral e prefeito de Patos do Piauí, Agenilson Dias, representou a entidade no evento e, junto aos demais prefeitos presentes, relatou a situação alarmante pela qual os municípios estão passando.

 “Entendemos todo esforço feito pelo Exército, Governo do Estado e pelos Ministérios da Integração e das Cidades, mas não está sendo suficiente e os municípios estão sobrecarregados. Em muitas regiões quase não choveu e a população começa a passar cede. Precisamos de socorro urgente”, enfatizou o prefeito.

Na reunião ficou definido que a partir de agora as Comdecs terão mais liberdade para substituir controladores de carradas d’água e os mananciais, o que já é legalmente responsabilidade do município. Foi garantido também maior celeridade do Exército no cadastramento de famílias que não recebem atendimento da Operação.  .

O Prefeito de Alagoinha do Piauí, Jorismar Rocha, preocupado com a crise hídrica que assola em seu município esteve participando da reunião.

 APPM/PI

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar