Picos

Prefeito Padre Walmir pede desfiliação do Partido dos Trabalhadores

O prefeito de Picos, Padre Walmir, pediu desfiliação do Partido dos Trabalhadores. O documento foi assinado nesta, terça-feira (15), e enviado ao presidente do Diretório Municipal, Wellington Dantas.

De acordo com o documento, a decisão é irrevogável e irretratável. “Ressalto ainda que agradeço sinceramente o apoio político que me foi deferido por quase uma década de permanência nesta agremiação, o qual respeito e admiro por sua história e pelos imensos benefícios que proporcionou e proporciona ao povo da nossa cidade, do nosso estado e do nosso país”, declarou o prefeito.

Padre Walmir – Foto: José Maria Barros/GP1

Padre Walmir rompeu politicamente com o empresário Araujinho depois que teve vetados quatro nomes indicados para compor a chapa majoritária na condição de vice do empresário. A vaga ficou com Gutenberg Rocha.

No último sábado (12), houve a convenção que homologou os nomes de Araujinho e Gutenberg como candidatos a prefeito e vice-prefeito de Picos. Por causarem aglomeração durante o evento, descumprindo, assim, as medidas sanitárias de combate ao coronavírus, o PT e MBD foram multados em R$ 50 mil, cada um, pela Viligância Sanitária de Picos.

Confira abaixo o documento com pedido de desfiliação

Padre Walmir pede desfiliação do PT
Padre Walmir pede desfiliação do PT – Foto: Divulgação

Fonte: GP1

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Fechar
Fechar