DestaquePio IX

Vereadores de Oposição explicam motivo de se absterem na abertura dos trabalhos legislativos em Pio IX

Os cinco vereadores que compõem o blocão de oposição a atual prefeita Regina Coeli (PSB) resolveram não participar da Sessão Extraordinária de abertura dos trabalhos legislativos no município de Pio IX, na manhã desta quarta-feira, 15 de fevereiro.

A Sessão Extraordinária contou com a presença da prefeita Regina, seu vice Edimar Bezerra e os seis vereadores que formam a base de sustentação da atual prefeita. Em Pio IX o legislativo é formado por um total de 11 vereadores.

Vereadores de oposição deram vácuo na abertura dos trabalhos legislativos, bancada alega decisão arbitrária da mesa diretora – Foto: Reprodução

Em seu discurso na casa legislativa, a prefeita Regina Coeli relembrou diversas ações já realizadas no município de Pio IX através de seu governo e elencou outras para seu novo mandato que se inicia.

Durante a Sessão também, a prefeita criticou a ausência dos cinco parlamentares de oposição e disse que se dependesse dela, “nenhum destes seriam eleitos”.

Sessão contou com presença apenas dos seis vereadores que compõem a base de sustentação da prefeita Regina – Foto: Reprodução

A atitude dos vereadores de não comparecerem a Sessão foi bastante criticada também pelos demais membros da casa legislativa. Alguns parlamentares denominaram o ato de “boicote à presença da prefeita Regina”.

Procurados pela nossa redação, os vereadores de oposição informaram através da vereadora Eliane Arrais (PMDB) que o motivo de não participarem da Sessão partiu de uma decisão “arbitraria da mesa diretora do legislativo em combinar de antemão que nenhum vereador poderia falar durante a Sessão”.

“Fomos comunicados com antecedência através de um grupo de WhatsApp do legislativo que não poderíamos fazer uso da palavra durante a Sessão, iríamos apenas ouvir a prefeita, eu em particular achei arbitraria a decisão da mesa diretora e por isso decidir através do meu direito de vereadora de abster-se da referida Sessão”, informou a peemedebista.

De acordo com Eliane Arrais, os demais vereadores de oposição resolveram acompanhá-la na mesma decisão e a Sessão de Abertura foi realizada com apenas seis dos onze vereadores da casa legislativa.

A vereadora informou também que na Sessão Ordinária marcada para a sexta-feira, 17 de fevereiro, ela e os demais vereadores darão maiores esclarecimentos sobre o ocorrido.

Comentários Facebook

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar