Na noite deste domingo (03/04) a professora, identificada como Selene Veras, foi morta a facadas na Localidade Brejinho, zona rural do município de Luís Correia, litoral do Piauí.

A vítima foi morta em casa, e a polícia tem como principal suspeito o marido da vítima. O crime deixou todos da localidade abalados.

Uma guarnição da Companhia Independente de Policiamento Turístico (CIPTUR), comandada pelo Capitão Galeno foi acionada e fez buscas na região, mas o suspeito não foi encontrado.

Imagem: Reprodução/Blog do Pessoa

A perita, Marcela Sampaio, informou ao Blog do Pessoa, que a professora foi morta com mais de 10 facadas. “O corpo apresentava várias perfurações e diversas lesões de defesa nos braços”, disse.

O Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção do corpo. A motivação do crime ainda está sendo investigada.

A Secretaria Municipal de Educação de Luís Correia, informou aos servidores, professores e aos estudantes da rede municipal de ensino, que em virtude do falecimento da Servidora Selene Veras Roque, que atualmente era diretora da Escola Rita Miranda Brito, no povoado Brejinho, as aulas desta segunda-feira (04) estão canceladas.

Familiares informaram através das redes sociais que o corpo da professora será velado na Localidade Brejinho de São Francisco e em seguida seguirá para a cidade de Granja, no Ceará, cidade natal da vítima, onde será sepultado.

Fonte: Com informações do Blog do Pessoa

Comments